sábado, 17 de setembro de 2011

O Momento de Voltar




Eu voltei!...


Tudo estava igual
Como era antes
Quase nada se modificou
Acho que só eu mesmo mudei
E voltei!...

Pois é. Aqui estou eu. De novo na blogosfera. Agora, em novo mundo: Buenos Aires. Mais estrangeira do que nunca. Deixei Madrid em maio deste ano, tive meu segundo filho em junho no Brasil e vim viver na Argentina há um mês. Continuarei meu doutorado em algum momento, a distância e...

Enfim... Eu voltei pr'as coisas que eu deixei
Eu voltei!...

Tentando mais uma vez adaptar-me.
Tal como Roberto Carlos, fui abrindo a porta devagar, mas deixei a luz entrar primeiro...
Todo meu passado iluminei,
E entrei!...

Meu retrato ainda na parede
Meio amarelado pelo tempo
Como a perguntar
Por onde andei?

E eu falei!...
"Onde andei!
Não deu para ficar..."

Eu voltei!...

Sem saber depois de tanto tempo
Se havia alguém a minha espera
Passos indecisos caminhei
E parei!...
(...) Tanto quis dizer e não falei
E chorei!...

(Trechos da composição O Portão de Roberto Carlos / Erasmo Carlos)

4 comentários:

Bia disse...

Buenos Aires, que show!!!
Seja bem re-vinda Cris!
bjs

a estrangeira (Cristina Alcântara) disse...

Obrigada, Bia. Bj

Verônica disse...

Olá,

Bem criativa a paródia que você escreveu adorei, com certeza Buenos Aires está te passando muita inspiração.

Abraços,
Verônica

Cristina Alcântara disse...

Obrigada, Verônica. Espero que vc esteja certa quanto à inspiração... :)